Cerveja artesanal caseira - 3 formas de preparo

Cerveja artesanal caseira - 3 formas de preparo. Muitos apreciadores da cerveja artesanal preferem preparar a bebida em casa - ou como hobby, ou como meio de ganhar dinheiro.

Muitos apreciadores da cerveja artesanal preferem preparar a bebida em casa - ou como hobby, ou como meio de ganhar dinheiro

Cerveja artesanal caseira - 3 formas de preparo É essencial que você conheça o universo da cerveja artesanal - os tipos e estilos de cerveja.

Segundo Adonay Anthony Evans, professor do Curso a Distância CPT Como Montar Uma Microcervejaria e Produzir Cerveja Artesanal, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online, os brasileiros passaram a apreciar, cada vez mais, a qualidade das cervejas artesanais. Por tais motivos, o mercado tem crescido vertiginosamente nos últimos anos. Muitos, inclusive preferem preparar a cerveja em casa - alguns usam kits, outros extrato de malte. Quem possui maior conhecimento no assunto prefere usar malte em grãos - o que dá maior sabor à cerveja.

Se você pretende entrar para o mercado de cervejas artesanais, é necessário conhecer as técnicas de fabricação da bebida.  É essencial que você conheça o universo da cerveja artesanal - os tipos e estilos de cerveja, os equipamentos necessários, a matéria-prima ideal, as fases de fabricação, a fase na adega e o envase.

Para você, amante da boa cerveja artesanal, mostraremos algumas formas de fabricação da bebida em casa.

1.Uso de kits

Há vários kits no mercado, compostos por equipamento mais matéria-prima para fabricação. Em geral, o conjunto vem com balde de fermentação de 30 litros (com borbulhador e torneira), colher, escovilhão, capsulador, 100 cápsulas (26mm) e chemipro oxi de 100g (desinfetante).

Antes do preparo, é de fundamental importância desinfetar todo o equipamento. Em seguida, o kit é aquecido em banho-maria para liquidificar o seu conteúdo. Assim que isso acontece, a mistura segue para o fermentador - é preciso usar água quente para aproveitar o extrato de malte da lata.

O restante da água deve ser adicionado a 23 - 25°C (junto ao açúcar). Misture bem e, assim que o mosto atingir 23°C (15 minutos), adicione o fermento (dissolvido em 200 ml de água a 30°C). Espere fermentar - local com temperatura entre 16 e 26°C. Após 15 dias, você pode engarrafar sua cerveja artesanal caseira.

2.Uso de extrato de malte

Outra forma de fazer cerveja artesanal em casa é com extrato de malte, maltes de especialidade e lúpulos de amargor/aroma. Do mesmo modo, você precisará de alguns equipamentos e utensílios - como panela de 30 litros, colher, fermentador de 30L, densímetro, termômetro, balança, sacos de musselina, serpentina em cobre (banho-maria).

Adicione 6 litros de água na panela, acrescente os maltes de especialidade - já moídos e dentro do saco de musselina. Deixe aquecer até 65.5°C por 20 minutos. Em seguida, adicione o extrato de malte e o restante da água. Deixe ferver.  Junte o lúpulo de amargor e marque o tempo (de 90 a 120 minutos).

Em seguida acrescente o lúpulo de aroma. Depois leve o mosto ao banho-maria (o processo ocorre em uma serpentina em cobre) até alcançar 25 - 27°C. Antes de adicionar o fermento, o mosto deve ser arejado (bomba de ar com pedra difusora e filtro antibacteriano). Após 15 dias, a cerveja artesanal caseira está pronta.

3.Uso de malte em grãos

A fabricação caseira de cerveja com malte em grãos é simples, mas requer alguns cuidados. Você precisará de: panela de 30 litros, moinho de malte, colher, cuba filtrante, fermentador de 30 litros, densímetro, termômetro, papel pH, balança e tintura de iodo.

Adicione o malte moído em uma panela com 15 litros de água quente (a 65.5°C). Nesse processo, a enzima de malte - maltase, transforma o amido dos cereais em açúcar de malte - maltose. Verifique o pH (entre 5.2 e 5.5) para a ação correta das enzimas. Espere 90 minutos.

Ao final da brassagem, colete uma pequena amostra do mosto - com a ponta do termômetro sobre um pires de café. Adicione uma gota de tintura de iodo - se a cor for azulada, a etapa ainda não terminou. Só estará completa a fase quando o iodo não reagir.

Após 90 minutos, aqueça o mosto acima dos 72°C e desligue o fogo. Em seguida, a mistura segue para filtragem. Depois, a mistura é novamente fervida. Aproximadamente 15 minutos do final da fervura, junta-se o lúpulo de aroma. Após arrefecer o mosto (25 a 27°C), ele segue para a fermentação.

Antes da adição do fermento, o mosto é arejado (bomba de ar com pedra difusora e filtro antibacteriano). Quando completarem 15 dias, a cerveja artesanal caseira estará pronta!

Fonte: Cerveja Artesanal.

Andréa Oliveira 18-09-2016 Como Fazer

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.