E-commerce - conheça as principais tendências

Algumas tendências do e-commerce têm tomado corpo no mercado nacional

E-commerce - conheça as principais tendências O e-commerce ou comércio eletrônico passou a garantir ao consumidor novas experiências

Pesquisas recentes sobre o e-commerce no Brasil indicam um crescimento de 9,23%, com o surgimento de 600 mil lojas eletrônicas em 2017. Isso demonstra grande potencial para o comércio eletrônico, que passou a se fortalecer e a ganhar espaço no país. Segundo Gustavo Azevedo, gerente de acesso a mercados e serviços financeiros do Sebrae, algumas tendências têm tomado corpo no mercado nacional.

Mas quais são essas principais tendências do e-commerce?

Oferecer várias possibilidades aos clientes

O e-commerce passou a garantir ao consumidor novas experiências. De que maneira? Quando oferece várias possibilidades aos clientes. Um bom exemplo é o que faz a Amazon. O usuário do site escolhe várias roupas, mas somente após experimentá-las em casa é que decidirá com quais ficará. As peças das quais o cliente não gostar podem ser devolvidas, gratuitamente, sem nenhum custo adicional.

Possuir sites responsivos para mobile

Atualmente, mais de 20% das lojas eletrônicas do Brasil contam com sites responsivos para mobiles. Com o passar dos anos, tem crescido o tráfico online por meio dos smartphones. Por isso, é de fundamental importância que o e-commerce planeje seus sites para serem acessados facilmente dos mobiles dos consumidores. Com isso, as vendas poderão aumentar de forma bastante significativa.

Criar aplicativos próprios

Tendência bastante utilizada pelo e-commerce do setor de alimentos, a criação de aplicativos próprios é essencial para oferecer uma experiência única aos clientes, que acessam a loja por meio dos mobiles. Certamente, as vendas aumentarão, assim como a satisfação dos consumidores pela comodidade, agilidade e praticidade dos apps.

Usar mídias sociais para divulgação

Em 2017, o comércio eletrônico passou a usar ainda mais as mídias sociais para divulgação. O aumento foi de 72,43% em comparação a 2016 (60,71%). Na verdade, as mídias sociais são um excelente canal de comunicação entre a loja eletrônica e o consumidor. Muitos empreendedores do e-commerce aproveitam para criar campanhas publicitárias estratégicas para captar ainda mais clientes.

Comprar no site e retirar o produto na loja física

O Wallmart tem utilizado essa estratégia para comercializar seus produtos. Trata-se da compra realizada no site da empresa e posterior retirada na loja física. Além de ser um meio diferente de adquirir um produto, é uma forma prática de facilitar a vida do consumidor. "Hoje em dia já não é mais preciso sair de casa para fazer compras, uma vez que, pela internet, pode-se realizar tudo isso de onde você estiver, de uma forma moderna, segura e cômoda", afirma Thiago Richter Bacchin, professor do Curso a Distância CPT Como Aumentar as Vendas pela Internet, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

Fonte: Revista PEGN.

Andréa Oliveira 06-07-2017 Gestão Empresarial

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.