Que tal montar uma pamonharia?

Dentre as vantagens de se montar uma pamonharia, temos o baixo investimento, o alto faturamento e o pequeno porte do empreendimento

Que tal montar uma pamonharia Para fazer pamonhas de qualidade, o milho deve vir dos melhores fornecedores do mercado

Nada mais saboroso do que uma pamonha quentinha. Um dos quitutes mais procurados nas festas juninas e julinas, a pamonha alcança boa demanda no mercado durante todo o ano. Mas é preciso que ela seja preparada com todo carinho e cuidado para se tornar um produto de qualidade com boa aceitação por parte do consumidor. Nesse contexto, a pamonharia é um negócio bastante promissor e rentável se planejada adequadamente.

Dentre as vantagens de se montar uma pamonharia, temos o baixo investimento, o alto faturamento e o pequeno porte do empreendimento. É possível começar como microempresa, o que permite ao empresário redução no pagamento de impostos. Afinal, a adoção do Simples Nacional é uma ótima opção para quem ainda não tem experiência no mercado. Além disso, o empreendedor pode escolher um ponto comercial pequeno, o que torna mais fácil a estruturação da empresa e reduz os gastos com reformas e aluguel.

Por outro lado, a aquisição de matéria-prima para a produção de pamonhas é um pouco difícil. É preciso pesquisar bons fornecedores, que sejam pontuais e sempre forneçam milho de qualidade. O mais recomendado é contar com um fornecedor fixo, que saiba negociar bons preços e oferecer um produto com bom padrão durante todo o ano. Afinal o milho é a base da pamonha e não pode faltar em hipótese alguma.

Como é a concorrência no mercado?

No mercado nacional, quase não existem boas pamonharias. Ou seja, a concorrência é baixa ou praticamente inexistente em algumas regiões, como o Sul do país ou algumas capitais brasileiras. Portanto, se você mora em uma região onde não há esse tipo de negócio, esta é uma boa oportunidade de ganhar dinheiro. Mas lembre-se de realizar previamente uma boa pesquisa de mercado.

Como montar a estrutura?

A pamonharia pode ser estruturada tanto para a venda de pamonhas como para consumo no próprio local. Nesse caso, é necessário providenciar mesas e cadeiras, além de uma bancada para atender os clientes. Caso o empreendedor planeje apenas vender pamonhas, basta uma cozinha simples, com pouco espaço. Nela devem estar organizados o fogão, a geladeira e uma bancada para o preparo do produto. As pamonhas podem ser feitas em casa para, depois, serem vendidas na pamonharia, o que facilita ainda mais a vida do empresário.

Onde instalar a pamonharia?

Como todo negócio do ramo de alimentação, o local ideal para a instalação da pamonharia deve apresentar bom fluxo de pessoas. Avenidas movimentadas e centros comerciais são perfeitos para que o seu negócio alcance boa rotatividade de clientes. Os terminais de ônibus também são uma boa pedida, pois, neles, circulam pessoas a todo momento, em horários de pico - como café, almoço e jantar.  Mas antes de montar sua pamonharia no local, faça uma pesquisa sobre a vizinhança, se a região é segura e apresenta boa clientela.

Fonte: Novo Negócio.

Conheça o Curso a Distância CPT Processamento de Milho Verde, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online - elaborado por Marli Cambraia, nutricionista e extensionista da Emater ? MG.

Andréa Oliveira 19-07-2017 Gastronomia

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.