Dicas incríveis para montar vinícola

Para montar uma vinícola e produzir vinhos de qualidade, são necessários equipamentos que viabilizem a produção

Dicas incríveis para montar vinícola

Embora a maior parte das regiões do Brasil não tenha condições propícias para cultivo de uvas, com a ajuda da tecnologia, é possível produzir uvas de qualidade. Atualmente, o maior produtor de uvas do Brasil é o Rio Grande do Sul, com destaque para a Serra Gaúcha, região onde a viticultura é desenvolvida em pequenas propriedades. Muitas delas produzem uvas para viniculturas, com alto padrão.

Segundo a OIV - Organização Internacional da Vinha e do Vinho, somente em 2017, a produção de vinho cresceu 169%. O principal motivo foi o aumento da demanda pela bebida. No Brasil, todos os anos, o consumo de vinho chega a 400 milhões de litros, ou seja, 2 litros per capita. Mas nosso país está muito aquém, quando comparado a países da Europa, como Itália (62 litros per capita) e Portugal (50 litros per capita).

Esse quadro atual é resultado da preferência dos brasileiros por outras bebidas, principalmente pela cerveja. Há regiões em que o consumo de cerveja alcança 50 litros per capita (por habitante). Mesmo assim, as estimativas indicam que o consumo de vinho aumentará para 3,5 litros per capita até 2030. Os principais consumidores são os de classe média alta, na faixa entre 18 e 34 anos de idade.

Investimento


Montar uma vinícola requer planejamento e capital suficiente, para abrir o negócio e garantir a sua manutenção, principalmente nos meses iniciais, que são mais críticos. Mas o investimento depende do porte da vinícola. No mais, são necessários entre R$40.000 a R$100.000 (ou mais), para montar a estrutura, regulamentar o negócio e abastecer a adega. O montante pode aumentar se o empreendedor contratar muitos funcionários e se a vinícola for grande.

Localização


O mais recomendado é montar a vinícola em regiões de clima mais ameno, pois o clima quente pode comprometer a qualidade do vinho. A região Sul é uma das mais indicadas, mas há regiões mais amenas no Nordeste, que também favorecem a implantação da vinícola. O ideal é pesquisar bem antes de escolher a localização. Uma dica importante é planejar um ambiente, dentro da vinícola, climatizado, com temperatura controlada, para garantir o padrão da bebida.

Equipamentos e recipientes


Para montar uma vinícola e produzir vinhos de qualidade, são necessários recipientes e equipamentos que viabilizem a produção. Dentre eles, temos: recipientes de aço inoxidável para armazenar até 5.000 litros de vinho; recipientes de aço inoxidável para fazer a fermentação de até 5.000 litros de vinho; caixas de plástico (com suporte de peso de 20 kg); bombas para transporte do vinho; bombas para transporte da uva esmagada e do bagaço; filtro a cartucho; máquina desengaçadeira; máquina capsuladora (capacidade para até 1.000 garrafas); e máquina enchedora e arrolhadora para engarrafar o vinho (até 1.000 garrafas).

Conheça o Curso a Distância CPT Segredos do Vinho - Compra, Armazenamento, Degustação e Harmonização em Livro+DVD e Online.

Leia o artigo "Dicas para montar loja de vinhos ou delicatéssen".

Fonte: montarumnegocio.com

Andréa Oliveira 26-10-2018 Gastronomia

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.