Para você que pretende inovar em 2017, veja as dicas de negócios veganos promissores

Dicas de negócios veganos para 2017

O empreendedor que se reinventar com versões veganas de alimentos como hambúrguer poderá conquistar o mercado.

Com inovação e ousadia, muitas empresas têm buscado atender às necessidades dos consumidores com base na sustentabilidade – esta é uma atitude em voga no momento. Principalmente os produtos veganos têm alcançado uma excelente demanda no mercado devido à mudança de comportamento de muitos consumidores, que seguem a linha sustentável de vida. Portanto, o empreendedor que se reinventar com versões veganas de alimentos como hambúrguer poderá conquistar esse mercado em contínuo crescimento.

Não somente hambúrguer pode ser feito para veganos, como também manteiga, queijo e salgadinhos. Todos isentos de carne nem derivados de origem animal. Para você que pretende inovar em 2017, daremos dicas de negócios veganos promissores. Vamos a elas?

Salgadinhos veganos

No Brasil, os salgadinhos veganos estão em alta e as opções são inúmeras – como esfirras, coxinhas, pastéis, empadinhas, quiches. A maioria pode ser feita com arroz ou feijão, que substituem muito bem o milho e o trigo. Além disso, no preparo dos quitutes, não são utilizados ovos, muito menos leite. Ainda assim, eles ficam deliciosos – em especial, se acompanhados com molho de feijão preto ou pimenta. Portanto, esses salgadinhos veganos podem ser uma ótima opção de negócio para 2017.

Queijos de amêndoas ou castanhas

Muitas pessoas veganas adoram esses queijos, que podem ser elaborados com água, limão, sementes orgânicas (chia, gergelim, girassol, trigo), amêndoas e castanhas. Além de não possuírem produtos de origem animal, os queijos veganos são preparados com ingredientes totalmente orgânicos. Outra vantagem é que eles não contêm aditivos químicos nem conservantes. Por isso, o empresário que investir nessa ideia pode lucrar e obter destaque nesse nicho de mercado.

Manteiga com óleos vegetais

Produto elaborado essencialmente com óleos de origem vegetal – como óleo de girassol, óleo de coco ou óleo de palma, a manteiga vegana não contém leite em sua composição. Se for preparada com produtos de origem orgânica, seu valor no mercado aumenta de forma bastante significativa. Sendo assim, esta pode ser a oportunidade para o empresário lucrar em 2017. Afinal, o número de consumidores veganos cresce a cada ano e todos buscam um produto com diferencial no mercado.

Hambúrguer sem carne

O hambúrguer sem carne tem conquistado não somente veganos e vegetarianos, como também os adeptos à carne. Isso porque sua elaboração o deixa bem similar ao produto original, tão saboroso quanto o hambúrguer de carne bovina ou de frango. Trata-se de um produto elaborado com proteínas de batata, trigo, soja, óleo de coco e água. O que o torna tão parecido com o original é um componente extraído da raiz da soja (conhecido como “heme”).  Como muitos consumidores têm buscado uma vida mais saudável e preferem produtos menos calóricos, esta pode ser uma excelente opção de negócio vegano para 2017.

Por Andréa Oliveira.

Fonte: Revista PEGN.

Confira os Cursos a Distância da Área Pequenas Empresas.


Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Dicas de negócios veganos para 2017

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Marque a caixa abaixo para validar seu comentário

Conheça as Empresas do Grupo CPT

Logo: Cursos CPT Logo: UOV Logo: CPT Softwares Logo: Aprenda Fácil Editora